4.09.2010

Criando um Ambiente Animado

Acho que desde que me entendo por gente sou fã de animação. Assim como muitos que tiveram sua infância na metade de 1980 e começo de 1990 as manhãs eram recheadas de desenhos trazidos pela Xuxa, Mara Maravilha, Bozo, Vovó Mafalda, Sérgio Malandro (ele tinha programa com desenhos animados, não tinha?), enquanto as tardes eram com a turma do Japão, Jaspion, Changemen, Flashmen, Maskmen, Black Kamen Rider (p&##@, eu adorava esses dois últimos. Realmente queria vê-los de novo). Ou era mais ou menos isso que minha memória deixa eu lembrar (qualquer errata, por favor, me informem).

Apesar de toda esa diversidade, acho que o que mais me chamava a atenão eram as animações da Warner, Looney Toons, depois os Tiny Toons, Pica-Pau (que a Record fez o favor de trazer de volta com sua dublagem nacional original), Disney (os manuais de "Como Fazer" do Pateta são algumas das melhores lembranças de minha infância em frente a TV), Hanna-Barbera (ainda hoje sou doente pelo Manda-Chuva) e Tom & Jerry (que, se bem me lembro de minha época de KIMOTA!, passou por tantas produções e produtoras e estúdios que pode ser dividido em "eras" facilmente) entre tantos outros (porque se eu fosse ficar aqui citando ia cair em Muppet Babies, He-Man, Thundercats, Bogo, Smurffs, Ursinhos Gummy e seria um blog só pra essa galera).

Acho que, como muitos, sempre fiquei interessado em saber como se dava esse processo de transformar desenhos em coisas que falavam, movimentavam, iam, viam, viravam isso, aquilo, esticavam, comprimiam, partiam, se montavam, explodiam (viva a mattanza) e por aí vai. Depois que eu conheci meu amigo Kaléo (sim, esse é o nome dele mesmo), eu aprendi um pouco mais sobre o processo. Hoje sei o que é in between, frame e tudo mais.

No entanto, nem todo mundo tem um Kaléo ao dispor o tempo todo.

Assim, se vocês querem saber um pouco mais sobre o processo de se criar uma animação, todos os passos desde o desenvolvimento dos personagens, criação de roteiro, dificuldades de produção e de obtenção de material, trago um link novo para vocês, o blog do Maxwell.

Maxwell é um dos desenhistas e animadores da Casa Amarela Eusélio Oliveira, um núcleo de vídeo e animação ligado à Universidade Federal do Ceará (mais informações aqui). Atualmente ele está desenvolvendo um curta chamado "O Urso Despolar" e decidiu apresentar o processo para o mundo através de seu blog.

Maxwell (o cara da foto) é um grande artista. Com traços típicos da animação, ele faz com que lembremos de Tom & Jerry da era Chuck Jones quando desenha animais, porém com um tom mais moderno. Ao ver seus personagens humanos, no entanto, a fluidez e unidade de seu desenho mostram que ele não é uma mera cópia do passado, mas algo novo e único, com a cara de seu autor.

No seu blog é possível ver os primeiros sketches e desenvolvimento dos personagens, bem como detalhes do processo de animação em seus primeiros estágios, demonstrando toda a preocupação e cuidado que se tem ao se estar em um projeto como esse, tendo uma equipe grande ou não. Eu faria, no entanto, uma crítica um pouco mais dura a Maxwell (que , por sinal, eu conheci pessoalmente e posso dizer que é um cara muito legal), dizendo que ele precisa fazer uma revisão em seus textos a fim de deixá-los mais claros. De resto, só em estar bem próximo a tudo isso já é deveras fascinante.

Como já disse antes, este blog serve (também) para divulgação e é muito do que tenho feito até agora (já falei sobre o Cafaggi e agora Maxwell). Admiro muito essa galera que mete as caras no mundo, participa de editais ou iniciam seus blogs e depois se tornam conhecidos (Cafaggi, só com o Puny Parker já foi chamado para o MSP 50 e Maxwell teve seu projeto escolhido entre outros 167 de todo o Brasil). Muitas vezes eles fazem essas coisas sozinhos! Caramba! Isso é muito legal!

Por isso que o Z&A está aqui, para admirar sempre trabalhos assim. E agora o urso do Maxwell está aqui. Confiram!

LEIAM, ASSISTAM E FAÇAM QUADRINHOS E ANIMAÇÕES SEMPRE!

3 comentários:

  1. Sergio Mallandro tinha um programa na Globo nos anos 90 as 7h, passava Grump e uns desenhos que não lembro mais.
    já viu o Animaq:Almanaque de Desenhos Animados?
    http://mangakaex3.wordpress.com/2010/03/26/animaq-%e2%80%93-almanaque-de-desenhos-animados/

    ResponderExcluir
  2. Olha vc aí, Quiof! Bom te ver por aqui, seja bem vindo. Sei que logo terei novidades que vc vai gostar muito. E acabei de ver o link q vc passou. Bem interessante esse livro, acho q vou procurar dá uma olhada. Valeu pela passagem e pela divulgação do material.

    Volte sempre!

    ResponderExcluir
  3. outro livro:
    http://www.europanet.com.br/site/index.php?cat_id=1075&pag_id=22084

    ResponderExcluir